O curso se propõe a discutir relações possíveis entre literatura e fotografia. Mantenho também uma lista mais ampla e em constante atualização no Goodreads.

Referências críticas

  • Adolfo Montejo Navas. Fotografia e poesia (afinidades eletivas). São Paulo: Ubu, 2017.
  • Ana Martins Marques. Paisagem com figuras: fotografia na literatura contemporânea. Tese de doutorado, UFMG. (PDF)
  • Daniel Link. Fantasmas. Imaginación y sociedad.
  • Natalia Brizuela. Depois da fotografia. Uma literatura fora de si. Rio de Janeiro: Rocco, 2014.

Obras discutidas

  • André Breton. Nadja.
  • Bernardo Carvalho. Nove noites.
  • Julio Cortázar. Instruções para subir uma escada. In Histórias de cronópios e de famas.
  • __________. Ultimo round.
  • Mario Bellatin. Shiki Nagaoka. Una nariz de ficción.
  • __________. Perros heroes. Tratado sobre el futuro de América Latina visto a través de un hombre inmóvil y sus treinta pastor belga malinois.
  • __________. un cierto juchitán para graciela iturbide. (ler online)
  • Patrícia Portela. A coleção privada de Acácio Nobre.
  • __________. A colecção privada de Acácio Nobre (video)
  • Teixeira Coelho. História natural da ditadura.
  • Valêncio Xavier. O mez da grippe e outros livros.
  • W.G. Sebald. Austerlitz.
  • ___________. Guerra aérea e literatura.
  • ___________. Os anéis de saturno. Uma peregrinação inglesa.
  • ___________. Os emigrantes. Quatro narrativas longas.
  • ___________. Vertigem. Sensações.

Sobre a mesa

  • Alan Pauls. A vida descalço.
  • Amitava Kumar. Os amantes.
  • Bertolt Brecht. War primer.
  • Cao Guimarães. Histórias do não ver.
  • Carlito Azevedo. Livro das postagens.
  • Diógenes Moura. O livro dos monólogos (recuperação para ouvir objetos).
  • Coletivo Garapa. A margem.
  • Coletivo Garapa; Sabrina Duran. Mulheres Centrais.
  • João Anzanello Carrascoza; Juliana Monteiro Carrascoza. Catálogo de perdas.
  • João Cabral de Mello Neto; Maureen Bisilliat. O cão sem plumas.
  • Joca Reiners Terron. Noite dentro da noite. Uma autobiografia.
  • Jonathan Safran Foer. Extremamente alto e incrivelmente perto.
  • Juan Luis Martinez. El poeta anonimo.
  • Laura Erber. Os corpos e os dias.
  • ___________. Esquilos de Pavlov.
  • Mário de Andrade. Fotógrafo e turista aprendiz.
  • Paloma Mecozzi. Vermelho.
  • Paulo Leminski. 40 clics em Curitiba.
  • Ricardo Domeneck. Sob a sombra da aboboreira.
  • Ronaldo Entler. Diante da sombra.
  • Teju Cole. Blind spot.

En passant

  • Carlos Drummond de Andrade. Procura da poesia.
  • Clarice Lispector. A hora da estrela.
  • Garapa + Dokumental. Doble | Chapa.
  • Julio Cortázar. As babas do diabo. (PDF)
  • Mario Bellatin. El arte de enseñar a escribir.
  • Nicanor Parra. Manifiesto.
  • São Tomás de Aquino apud Giorgio Agamben. Infância e história.
  • Waly Salomão. Lábia.

Publicado por Paulo Fehlauer

Escritor & fotógrafo & artista visual, mestrando em estudos literários na Universidade Federal de São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *